skip to Main Content

ÚLTIMAS LIMA NEWS

Médico Empreendedor

Aprenda como se tornar um médico empreendedor

Para um aluno de medicina prestes a se formar, ou mesmo aqueles que já se formaram, realizar o sonho de se tornar um médico empreendedor é sinônimo de realização pessoal e profissional.

Porém, é importante ter em mente que os conhecimentos em medicina não serão suficientes. Será preciso desenvolver algumas habilidades de gestão e empreendedorismo.

Para se tornar um médico empreendedor e conferir sucesso ao seu negócio, você terá que possuir, acima de tudo, paciência.

Isso porque o desenvolvimento do negócio não acontecerá da noite para o dia e, muitas vezes, irá depender da experiência obtida através do tempo.

APRENDENDO A SE TORNAR UM MÉDICO EMPREENDEDOR

O primeiro passo é saber atender as dores do seu cliente, no caso, o paciente. E, por dores, não estamos falando de problemas físicos, aqueles que os pacientes buscam resolver através do tratamento médico. Na verdade, essas dores significam problemas que precisam de uma solução.

Os problemas que um paciente geralmente apresenta se resumem a condições médicas. Porém, existem outras deficiências observáveis no sistema de saúde que, se analisadas, podem  também interferir na qualidade de uma clínica ou consultório de sucesso.

  • Mau atendimento;
  • Local de espera ruim;
  • Equipamentos ultrapassados.

Esses são só alguns dos fatores negativos do dia a dia que poderiam frustrar o caminho de um médico empreendedor.

Agora, conhecer os desejos e necessidades dos seus clientes faz parte de uma etapa muito importante para você se tornar um médico empreendedor: a compreensão do mercado e do comportamento do seu cliente.

Outro fator importante a se pensar é a organização da documentação da clínica ou consultório, desde a sua constituição como empresa, passando pelos alvarás de funcionamento até a manutenção da saúde financeira, fiscal e contábil, fatores muitas vezes não observados pelos profissionais da área médica, que são também de extrema importância para a sobrevivência e a saúde da empresa.

A DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA SE TORNAR UM MÉDICO EMPREENDEDOR

A constituição e o registro de uma clínica médica ou um consultório, por exemplo, é um processo extremamente burocrático. Essa documentação inclui o CNPJ, que é o Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas. Sem ele, seu consultório ou clínica médica não estará autorizado a funcionar.

Será preciso obter o alvará da vigilância sanitária. Não possuir esse documento resulta em uma infração grave, que deixará você e o seu consultório ou clínica sujeitos às penalidades previstas na lei.

As etapas incluem:

  • Elaborar um contrato social;
  • Obter o alvará da vigilância sanitária;
  • Obter o CNPJ;
  • Obter os alvarás de funcionamento;
  • Registro na Prefeitura;
  • Autorização para emitir notas fiscais.

Mas calma, você não precisa fazer tudo isso sozinho. Existe um profissional que poderá te ajudar – o contador ou uma empresa contábil habilitados.

O contador também será responsável por auxiliar na gestão da sua clínica, ao instruir você, médico empreendedor, sobre qual regime tributário adotar, como criar um planejamento tributário eficiente e como garantir que o controle financeiro seja realizado de forma eficaz.

O médico empreendedor também precisará aprender a controlar certas situações, principalmente aquelas que se referem ao âmbito empresarial.

Entenda que o seu consultório ou clínica médica funcionará como uma empresa normal, com deveres e obrigações mensais, cabendo ao contador gerar e controlar os tributos e enviar essas obrigações para que o médico empreendedor exerça sua profissão de forma plena.

O trabalho do contador nesse processo inclui também a verificação das finanças da empresa, a fim de compreender se os projetos poderão ou não ser realizados, garantir economia e otimizar o controle financeiro, inclusive sugerindo cortes de gastos que não terão impactos significativos na experiência dos funcionários e dos clientes.

A experiência do contador irá contribuir na tomada de decisões, que acontecerá de forma estratégica e assertiva. Mas, é importante lembrar que a decisão final ainda será do médico empreendedor.

Para superar as dificuldades com a gestão da equipe e delegação de tarefas, o médico empreendedor precisa compreender que, por mais que realizar tarefas por si próprio possa parecer trazer economia, na verdade, significa que outras tarefas, que poderiam ser realizadas pelo dono do negócio, ficarão de lado.

Por isso, é importante que toda a equipe esteja alinhada e entenda suas funções. A partir daí, ficará mais fácil passar instruções e garantir que todos os processos sejam cumpridos da forma correta.

É preciso, ainda, entender a importância de cada colaborador, além de compreender que eles são mais que médicos – são pessoas, com necessidades e desejos!

Existe, inclusive, a ideia de que a gestão de pessoas seja, na verdade, um nome alternativo para substituir o RH ou o Departamento Pessoal. A realidade é que, apesar do conceito invalidar diversas práticas desses departamentos, sua utilização vai muito além de uma simples nomenclatura.

Gerir pessoas significa entender a importância de cada colaborador e de cada etapa realizada no trabalho. É compreender que, por trás das funções, existem pessoas com necessidades e desejos.

Então, para se tornar um médico empreendedor de sucesso, você precisará garantir que todas as necessidades e desejos do seu pessoal (no âmbito de trabalho), sejam saciados.

  • Instrua, de forma detalhada, o seu pessoal. Isso garantirá que as tarefas sejam concluídas com sucesso, além de contribuir para a capacitação pessoal e profissional de cada um;
  • Atue com transparência e garanta que a ética do trabalho seja sempre respeitada. Garanta também que a ética de cada profissional, como cidadão, seja colocada acima de tudo.

Com essas dicas, você estará pronto para se tornar um médico empreendedor. Entre em contato com a Lima; nós somos especialistas em contabilidade para médicos!

Sucesso e até logo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top